Vaga para Director Provincial

Ticker

6/recent/ticker-posts

Vaga para Director Provincial

 


A Elizabeth Glaser Pediatric AIDS Foundation (EGPAF) pretende recrutar para o seu quadro de pessoal um (1) Director Provincial (M/F), baseado em Gaza.

Descrição

  • O Director Provincial da EGPAF representa a Fundação ao nível provincial, participa na tomada de decisões estratégicas da Organização e é responsável pela gestão do Programa Provincial;
  • O Director Provincial é responsável pelo desenvolvimento e implementação de um plano de parceria entre a EGPAF e a DPS, SPS incluindo SDSMAS e OCBs, através de um sub-financiamento às instituições benificiárias e também pela gestão e supervisão das equipas provinciais da EGPAF;
  • O Director Provincial lidera a Equipa de Gestão Sénior Provincial baseada em Gaza, para atingir os objectivos estratégicos e actividades planificadas;
  • Ele/ Ela é responsável pelo desenvolvimento, gestão e apoio dos projectos geridos pela EGPAF em Gaza e pela gestão das Equipas Distritais incluindo Finanças, Administração e Recursos Humanos;
  • No seu trabalho deve priorizar o apoio e desenvolvimento de capacidades da DPS, SPS, SDSMAS e OCBs de forma a assegurar uma gestão eficiente e integrada do programa de HIV/SIDA (aconselhamento e testagem, apoio psicossocial, prevenção de transmissão vertical, cuidados pediátricos e cuidados e tratamento), de acordo com as directrizes e os padrões de qualidade do MISAU, nos distritos apoiados pela EGPAF na Província de Gaza.

Responsabilidades

  • Fornecer liderança estratégica do programa da EGPAF na província de Gaza, incluindo a gestão de recursos humanos, financeiros e materiais, de acordo com a estratégia da EGPAF e políticas, processos e padrões relevantes;
  • Assumir a liderança na gestão, definição e comunicação entre a Direcção Provincial de Saúde, Serviços Provinciais de Saúde e a EGPAF;
  • É responsável pela planificação e implementação do plano de trabalho conjunto com a DPS, SPS e outros parceiros de coordenação.
  • Representar a EGPAF e o programa provincial aos níveis mais altos da província;
  • Desenvolver e manter redes profissionais e relações com as autoridades provinciais e distritais e outras partes interessadas relevantes;
  • Fazer gestão directa dos Gestores Provinciais, incluindo recrutamento e selecção, gestão de desempenho e desenvolvimento do pessoal;
  • Garantir que todos os trabalhadores provinciais demonstrem boas práticas de recursos humanos e cumpram as políticas e procedimentos da EGPAF;
  • Garantir a elaboração e envio atempados de relatórios técnicos e financeiros;
  • Liderar eficazmente a equipa provincial, garantindo um bom ambiente de trabalho, focado nos resultados;
  • Participar nas reuniões da Equipa de Gestão Sênior Nacional (SMT) e garantir que as decisões tomadas a este nível sejam devidamente documentadas, comunicadas à equipe provincial e implementadas;
  • Convocar e liderar as reuniões da Equipe Provincial de Gestão Sénior e garantir que as decisões tomadas a este nível sejam devidamente documentadas e comunicadas à equipe provincial;
  • Convocar e conduzir reuniões quinzenais de coordenação com os Pontos Focais Distritais e outros que se julgarem relevantes;
  • Conduzir as reuniões flash diárias, a nível provincial;
  • Garantir que os bens e serviços sejam adquiridos em tempo hábil para assegurar uma boa implementação do programa;
  • Apoiar o desenvolvimento de um plano de trabalho com a DPS, SPS e as SDSMAS, para a implementação de serviços de HIV integrados através de um processo de sub-financiamento as instituições benificiárias;
  • Apoiar técnica e administrativamente a DPS, SPS nas necessidades que forem surgindo, dentro das possibilidades da EGPAF;
  • Trabalhar em estreita colaboração com a equipa de operações da EGPAF em Gaza, Inhambane e Maputo, de modo a assegurar que as previsões das actividades e gastos da EGPAF (Forecast), sejam o mais assertivo possível, e todos os itens requisitados, sejam adquiridos e cheguem aos beneficiários a tempo e com a qualidade desejada;
  • Assegurar o uso racional dos bens necessários adquiridos pela Fundação;
  • Liderar a equipa de operações de Gaza, de modo a responder atempadamente as necessidades dos projectos e do programa;
  • Colaborar com os Assessores Técnicos colocadas nas DPS, SPS ou com outros parceiros da província para apoiar a melhoria de serviços clínicos de HIV, de farmácia, logística, laboratório e monitoria e avaliação relacionados ao programa de HIV/SIDA;
  • Desenvolver um plano de capacitação com a DPS, SPS e as SDSMAS em relação a aspectos de gestão, planificação e supervisão do programa de HIV/SIDA integrado e estabelecer um fórum de coordenação Provincial e Distrital;
  • Promover o desenvolvimento de parcerias com organizações clínicas, de fortalecimento do sistema de saúde, de apoio diverso e comunitárias internacionais e nacionais que trabalhem na área de HIV e outras na Província, para assegurar a ligação e coordenação dos serviços clínicos com outros programas e serviços de apoio para PVHIV;
  • Garantir boas relações entre a EGPAF e os órgãos de governação da província:  Governo e Secretaria de Estado Provincial;
  • Estar engajado nos assuntos do Fórum das ONGs de Gaza, representando condignamente a EGPAF;
  • Supervisionar as equipas técnicas provinciais no processo de apoio técnico as DPS, SPS, SDSMAS e OCBs;
  • Planificar, implementar, supervisionar e monitorar as actividades dos serviços Clínicos de HIV/SIDA integrados na Província de Gaza de forma a se alcançar os objectivos planificados;
  • Implementar um programa de monitoria e avaliação e de Melhoria de Qualidade de forma a assegurar o aprimoramento contínuo na qualidade dos serviços clínicos de HIV/SIDA integrados;
  • Negociar e coordenar a elaboração de um plano provincial de pesquisas operacionais (avaliações orientadas) com DPS e SPS para avaliar a eficácia e identificar melhores práticas dos programas de PTV, cuidados pediátricos, cuidados e tratamento e apoio psicossocial;
  • Supervisionar o Gestor de Operações no processo de gestão de RH, Finanças e Logística e assegurar uma boa gestão do orçamento provincial, de forma a garantir uma implementação harmonizada, integrada e eficaz do programa;
  • Conhecer a sua equipa, de modo a prestar apoio necessário aos colegas, para melhor exercerem as suas funções, com a competência exigida;
  • Identificar as necessidades de crescimento dos membros da equipa provincial e elaborar um plano de desenvolvimento e capacitação da equipa, em coordenação com  a equipa técnica e de operações de Maputo;
  • Monitorar o progresso do programa, incluindo a preparação de relatórios técnicos e financeiros periódicos e experiências de boas práticas.

Requisitos

Essencial

  • Licenciado/a em Medicina ou outra formação Superior em Saúde, com pelo menos cinco (5) anos de experiência de trabalho comprovado em programas de HIV/SIDA em contextos de recursos limitados e/ou gestão internacional da saúde;
  • Forte habilidades e experiência de gestão de programas complexos;
  • Experiência  mínima de cinco (5) anos na gestão de programas, incluindo capacitação de recursos humanos e institucional;
  • Mestrado em Saúde Pública ou outro grau de Mestrado relevante é uma vantagem;
  • Experiência clínica e excelente conhecimento de prevenção e cuidados e tratamento compreensivos de adultos e crianças infectados com o HIV em locais de recursos limitados;
  • Experiência em formação, tutoria e supervisão clínica.

Desejável

  • Excelente capacidade de comunicação escrita e oral na língua Portuguesa e Inglesa;
  • Habilidades e conhecimento no uso de ferramentas de avaliação e melhoria de qualidade dos cuidados;
  • Energético, independente, proactivo;
  • Conhecimento sobre os requisitos críticos de negócios e de conformidade com os principais doadores estrangeiros, tais como agências de Governo dos Estados Unidos e/ou doadores Europeus/multilateral;
  • Habilidades de influência para trazer uma gama diversificada de stakeholders para apoiar na consecução de objectivos comuns;
  • Capacidade de se relacionar e trabalhar bem em ambiente multicultural;
  • Bons conhecimentos de aplicações de Microsoft Office (Excel, Word, PowerPoint, Outlook);
  • Conhecimento das politicas do Ministério de Saúde de Moçambique, incluindo a estrutura política e de gestão a nível nacional e provincial.

Competências

A Fundação espera que todos os trabalhadores possuam as competências fundamentais de habilidades interpessoais, comunicação, responsabilidade, aprendizado contínuo e obtenção de resultados. O candidato ideal deve ser proficiente ou avançado no seguinte conjunto de competências, específicas ao nível de Director:

  • Team Building – É a capacidade de uma pessoa inspirar e promover o comprometimento, espírito, orgulho e confiança na equipa. É também facilitar a cooperação e motivar os membros da equipa para atingir as metas do grupo.
  • Atendimento ao beneficiário – É a capacidade de uma pessoa antecipar e atender às necessidades dos beneficiários internos e externos, oferecendo produtos e serviços de alta qualidade e comprometendo-se com a melhoria contínua.
  • Decisão – É a capacidade de uma pessoa tomar decisões bem informadas, eficazes e oportunas, mesmo quando os dados são limitados ou as soluções produzem consequências desagradáveis. É também perceber o impacto e as implicações das decisões.
  • Colaboração – É desenvolver redes e construir alianças, colaborar para construir relacionamentos estratégicos e atingir objectivos comuns.
  • Criatividade/Inovação – É desenvolver novas análises sobre as situações, questionar abordagens convencionais, promover novas ideias e inovações, projectar e implementar novos programas/processos que tragam resultados eficientemente.
  • Influenciar/Negociar – É persuadir os outros, construir consenso por meio de dar e receber; conquistar a cooperação de outros para obter informações e cumprir metas. Cumprir prazos e manter os demais informados em casos de desafios para a realização de determinados compromissos.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae.

Notas

  • Como uma organização global, multinacional e multicultural, a EGPAF acredita que a diversidade no local de trabalho enriquece o nosso trabalho e aumenta o nosso impacto e eficácia. Acreditamos que os trabalhadores têm o direito de trabalhar num ambiente de respeito mútuo e integridade que promova a dignidade e o respeito por todos e que lhes permita atingir seu pleno potencial.
  • A Fundação está empenhada em promover a diversidade, equidade, inclusão e pertencimento (DEI&B), e encorajamos fortemente aqueles com as seguintes identidades a se candidatarem: BIPOC (negros, indígenas e outras pessoas de cor), mulheres e não binários, LGBT + (lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros), indivíduos com deficiência e outros membros de grupos historicamente sub-representados. 
  • A EGPAF é um empregador de oportunidades iguais e oferece oportunidades iguais a todos os trabalhadores e candidatos a emprego, independentemente de raça/ etnia, cor, religião, sexo (incluindo gravidez, identidade de gênero, expressão de gênero e orientação sexual), nacionalidade, idade, deficiência ou genética. Além dos requisitos da legislação do país, a EGPAF cumpre as leis dos EUA que regem a não discriminação no emprego em todos os locais onde a Fundação possui instalações. 
  • A Fundação não cobra taxas em nenhuma fase do processo de recrutamento. Se você for solicitado a pagar uma taxa em qualquer estágio do recrutamento, entre em contato com fraud@pedaids.org.

Processo de Candidatura

Link: https://bityli.com/yOZbTuZ

Validade: 09/08/2022

Local: Gaza

Níveis: Licenciatura, Mestrado, Nível Superior

Regime: Tempo Inteiro