Vaga para Técnico De Desenvolvimento Comunitário

Ticker

6/recent/ticker-posts

Vaga para Técnico De Desenvolvimento Comunitário

A ADCR pretende admitir para o seu quadro de pessoal um (1) Técnico de Desenvolvimento Comunitário (M/F) para os Distritos de Chigubo e Mapai respectivamente


A ADCR pretende admitir para o seu quadro de pessoal um (1) Técnico de Desenvolvimento Comunitário (M/F) para os Distritos de Chigubo e Mapai respectivamente.

Descrição

A/o Técnica/o de Desenvolvimento Comunitário será responsável no apoio ao melhoramento das condições de vida e o acesso a valorização da educação formal com enfoque de género, por parte de famílias e comunidades dos Postos Administrativos de Machaila e Chigubo respectivamente para se engajar e participar activamente no Projecto implementado pela Associação Para o Desenvolvimento das Comunidades Rurais – Xai-Xai em parceria com a Associação Madre Coraje – Espanhola.

Tarefas

  • Mobilizar as comunidades para participar activamente na sensibilização e debate comunitária sobre a importância da educação formal, em particular as meninas;
  • Apoiar aos Conselhos Escolares para a identificação de meninos e adolescentes em situação de desistência escolar e promover o regresso a escola;
  • Incrementar o acompanhamento no fortalecimento dos Clubes das meninas e meninos nas escolas beneficiárias do projecto;
  • Incentivar e participar nos debates promovidos por Clubes de meninas sobre a valorização da educação, com enfoque à rapariga;
  • Promover actividades desportivas (Futebol, Voleibol, atletismo, jogos tradicionais, etc.) e agrícolas (pequenas hortas, etc.) nas escolas alvo do projecto;
  • Dinamizar o funcionamento e inscrição de adultos a frequentar a alfabetização e dar seguimento do seu desempenho;
  • Desenvolver campanhas de difusão de legislação contra a violência de género e protecção de mulheres e meninas;
  • Preparar a lista dos beneficiários vulneráveis do projecto a todos níveis para o registo civil de crianças e adolescentes;
  • Participar nas reuniões promovidas pelos Conselhos de Escolas com as respectivas direcções durante avaliação do desempenho escolar e outras actividades de interesse;
  • Envolver aos Serviços Distritais e autoridades locais na sensibilização da comunidade sobre o papel das mulheres na priorização da educação nas comunidades;
  • Criar Intercâmbios locais entre os grupos de Clube de rapariga, incentivar o trabalho em equipa no seio dos beneficiários do projecto;
  • Participar na recolha e compilação de dados e elaborar relatórios de actividades dentro dos prazos estabelecidos;
  • Participar na elaboração de estudos de base, conhecimentos, atitudes e práticas, avaliação do projecto;
  • Participar na organização de avaliações internas;
  • Zelar pelo aprovisionamento e distribuição de materiais de escolares para crianças mas vulneráveis;
  • Participar em encontros de coordenação com os Conselhos de Escolas, Direcção da Escola e outros intervenientes a nível distrital.

Tarefas comuns

  • Promover a imagem da ADCR, MADRE CORAJE e DIP CÓRDOBA através da divulgação dos princípios fundamentais e actividades do Projecto;
  • Contribuir para o reforço e o desenvolvimento dos beneficiários direito e comunidade no geral;
  • Assegurar uma boa ligação, coordenação e comunicação entre os Conselhos Escolares, Direcção das Escolas, beneficiários, autoridades locais entre outros intervenientes;
  • Tratar conforme emana o Código de Conduta da ADCR todos os utentes e beneficiários da instituição.

Requisitos

  • Nível Médio de Educação Geral;
  • Pelo menos três (3) anos de experiência demonstrada de trabalho comunitário e em programas/projectos de promoção da Igualdade de género, Direito à Educação ou Desenvolvimento Comunitário em Moçambique (ou 1 ano de experiência se tem estudos universitários em Ciências Sociais, estudos em Desenvolvimento Social, Desenvolvimento Comunitário, ou áreas afins);
  • Experiência de gestão de projectos;
  • Experiência de trabalho com ONGs, é uma vantagem;
  • Nacionalidade moçambicana.

Habilidades requeridas

  • Habilidades de elaborar planos de trabalho e relatórios;
  • Bom domínio da língua Portuguesa e da língua local (Changana);
  • Conhecimentos da informática na óptica do utilizador com domínio dos pacotes Word, Excel e PowerPoint, e Internet;
  • Boas habilidades de dialogar, explicar, e argumentar com diferentes públicos;
  • Capacidade de trabalhar em equipa.

Exigências

  • Carta de Candidatura;
  • Curriculum Vitae;
  • Certificado de Habilitações Literárias;
  • Referencias

Nota: Indicar a espectativa salarial. Encoraja-se a candidatura de mulheres ao posto. Apenas os(as) candidatos (as) pré seleccionados(as) serão contactados(as).

Processo de Candidatura

Email: recrutamento.adcr@gmail.com

Validade: 21/11/2021

Locais: Chigubo e Mapai

Níveis: Nível Médio, Nível Superior

Regime: Tempo Inteiro